Elos Clube de Tavira

Maio 08 2010

ESPERANÇA

 

Sonho com aquelas andorinhas

Que pela aurora ao raiar

Batendo suas asas escurinhas

Vão novos climas buscar!

 

Das tardes: tenho lágrimas mudas que não choram.

Da manhãzinha ando a cantar!

Tenho a dor pelos tristes que ficam

Sem sol, sem ninho, sem par!

 

Deixai-me ser aquela finória ave emigrante

Ansiosa p'ra viajar

Ir noutro clima distante

E numa palmeira arrulhar!

 

Assim o poente e o levante me inspiram

Carecem a minha alma para amar!

Mais ai! Das almas que ficam

Sem sol, sem ninho, sem par!

 

Quero Esp'ranca a toda hora

 

Correr nas nuvens e pelo mar

Em busca do Ideal, embora

Canse o peito, falte o ar!

 

Assim os meus suspiros embarcam

 

Sobem aos céus, a trinar.

Bem basta os tristes que ficam

Sem sol, sem ninho, sem par!

 

 Berardo Pinto Pereira

http://www.google.pt/imgres?imgurl=http://www.colaco.net/berardo1.jpg&imgrefurl=http://www.colaco.net/1/berardo.htm&usg=__9aLeQhHXaU_9otEbf97iGakSXSA=&h=100&w=87&sz=4&hl=pt-PT&start=2&um=1&itbs=1&tbnid=XVNRU2U7XjI2CM:&tbnh=82&tbnw=71&prev=/images%3Fq%3DBerardo%252BPinto%252BPereira%26um%3D1%26hl%3Dpt-PT%26sa%3DN%26tbs%3Disch:1

publicado por Henrique Salles da Fonseca às 13:45
Tags:

mais sobre mim
Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO