Elos Clube de Tavira

Abril 12 2010

  

HONRAR O PASSADO CONSTRUIR O FUTURO

 

Senhor Representante da Câmara Municipal de Tavira, muito obrigado por nos trazer a cidade a este nosso aniversário;

  

Reverendo Padre Dinis, muito obrigado por nos trazer a este nosso aniversário a Fé com a qual desbravámos horizontes por esse mundo além;

  

Prezados Convidados, muito obrigado por se juntarem à nossa festa;

  

Caros Companheiros;

  

Minhas Senhoras e meus Senhores:

  

Ao comemorar o 25º aniversário do nosso Clube, evoco os Fundadores e saúdo todos os que durante este quarto de século, contra ventos e marés, empunharam a bandeira da Causa Elista, o mesmo é dizer, da Causa Lusíada.

  

Estes 25 anos de acção em prol da língua e cultura portuguesas são o reflexo duma sociedade culta que se reúne em torno dos Valores do Humanismo Lusíada cultivando-o com uma perspectiva de futuro.

  

Sim, se Tavira foi base principal do lançamento das navegações que levaram Portugal por esse mundo além nas caravelas de descobrir, os novos meios de comunicação constituem um instrumento formidável para a difusão dos nossos Valores, da nossa Cultura, da nossa Língua. Eis por que nada obsta a que no século XXI Tavira salte para a linha da frente do ressurgimento lusíada a nível global.

  

Seguindo o exemplo dos Descobridores do séc. XV, essa a missão que nos cumpre nos próximos 25 anos.

 

Por isso eu digo que honramos o passado para construirmos o futuro.

 

1. ACÇÃO INTERNA

 

A Internet é a versão actual das caravelas de descobrir. Os antigos não temeram embarcar nessas autênticas casquinhas de noz para horizontes desconhecidos… O ressurgimento lusíada global pode ser hoje facilmente conseguido se todos soubermos navegar e pudermos contactar numa rede que abarque os cinco continentes e todas as ilhas de permeio. É por isso que dou tanto relevo à iniciação informática dos nossos Companheiros mais antigos e foi por isso que tomei como prioritário pôr o nosso blog em funcionamento. Assim foi que desde o passado dia 9 de Fevereiro e todos os dias de calendário, colocamos uma referência lusíada no ar. Intitulado Elos Clube de Tavira, estabelece diariamente contactos desde o Brasil até à Índia na reconstituição dos 17 elos que na época dos Descobrimentos ligaram Tavira a Goa. E se então esses foram os locais que dispuseram de hospitais de apoio aos navegadores, hoje podemos imaginar o estabelecimento de contactos com os luso-descendentes que nessas paragens ainda possam existir ou, no mínimo, de naturais dessas terras interessados no estabelecimento de laços culturais com o novo Mundo Lusíada, com a nossa Língua e com os nossos Valores. De fora já temos reacções; falta que os «da casa» entrem na rede.

 

Companheiros não ligados à Internet: isto significa que uma parte importante da vida do nosso Clube não conta com a vossa participação activa. Convido-vos a que se apressem a entrar nesta nossa aventura de retoma da nova universalidade lusíada.

 

2. ENSINO UNIVERSAL DA LÍNGUA PORTUGUESA

 

E é precisamente nesta aventura que todos somos poucos para avançarmos rapidamente para o ensino da nossa língua a quem a queira aprender nesses lugares remotos por onde Portugal navegou. Só que, com os meios de que actualmente dispomos, podemos imaginar esse ensino à distância sem necessidade de deslocações físicas. O tempo urge pois que se nos demorarmos outros haverá que nos tomarão a dianteira e esta missão claramente geracional será perdida. E se tal acontecer, os únicos responsáveis por mais essa perda seremos nós e mais ninguém.

 

 

3. POLÍTICA NACIONAL DA LÍNGUA PORTUGUESA

 

 

É precisamente no âmbito dessa missão de dimensão geracional que recordo a conclusão extraída na

XXVII Convenção Mundial do Elos Internacional da Comunidade Lusíada realizada em Lisboa em Outubro de 2009, de que «a política nacional da Língua Portuguesa é um valor estratégico» que deve ser objecto da atenção de toda a Sociedade Portuguesa no entendimento de que deverá ser antecedida de reflexão sobre a sua relação «com os interesses diversificados dos lugares e dos povos onde é praticada», em substituição «do imediatismo editorial ou empresarial que já se vem fazendo sentir» urgindo «a elaboração de um vocabulário técnico e científico para todos os países da Língua Portuguesa».

 

Companheiros, esta é uma missão que não nos cabe apenas a nós, Elos Clube de Tavira, na certeza porém de que nos cumpre participar activamente nas reflexões identificadas e na elaboração dos documentos preparatórios que permitam ao Governo a definição dessa política nacional e à Academia das Ciências iniciar a árdua tarefa de compilação dos ditos Vocabulários. Daqui apelo aos demais Elos Clubes de Portugal para que desenvolvamos uma acção conjunta com tais objectivos.

 

Aqui fica o apelo; aqui fica o desafio.

 

Finalmente, parafraseando D. Manuel Clemente, Bispo do Porto, no seu livro “1810-1910-2010 DATAS E DESAFIOS” (pág. 121), permito-me recordar que «as coisas não são boas ou más porque Deus as mande ou as proíba; antes as manda porque são boas e as proíbe porque são más».

 

Companheiros, creio chegada a altura de deixarmos de clamar contra a desgraça que nos rodeia, essa a que vulgarmente chamamos «crise». É que de nada vale carpir sobre o leite derramado com o argumento de a culpa não ser nossa… E o nosso silêncio? Não nos transforma ele em coniventes?

 

Eis por que creio nossa a obrigação de tudo fazermos com vista à edificação duma Ética Lusófona para o séc. XXI. Daqui apelo a todo o Movimento Elista para que não esqueça mais esta deliberação igualmente tomada na XXVII Convenção Mundial. Nós damos o primeiro passo lançando a semente. Esperemos que frutifique.

 

Aqui fica o apelo; aqui fica o desafio.

 

Companheiros, nenhuma destas ideias é utópica. Basta pensar e agir. Ânimo não nos falta e tudo faremos para recuperar o tempo perdido desde que abandonámos aqueles que, há decénios ou mesmo séculos – assoberbados por hostilidade ou rodeados por desdenhosa indiferença – mantêm esperança num regresso dos valores lusíadas. Estas são missões cuja realização depende da nossa exclusiva vontade. Assumamos a obrigação de as lançar, único modo de as podermos cumprir.

 

Sabemos, pois, da missão que nos cumpre e daqui convido todos os elistas e seus Clubes a acompanharem-nos nesta entusiasmante jornada. Mas não nos tolham o passo que a esses claramente deixaremos para trás!

 

Obrigado pela atenção.

 

 

Tavira, 10 de Abril de 2010

 

 

Henrique Salles da Fonseca

                     Presidente

publicado por Henrique Salles da Fonseca às 09:03
Tags:

Prezado CE Salles Fonseca, Presidente do Elos Clube de Tavira:
A sua Mensagem, que traduz o pensamento do Elos Clube de Tavira-Portugal e a sua importância no contexto lusíada no transcorrer destes 25 anos de existência, fortaleceu esta Presidência, pois que, se o clube é proativo, o Elos Internacional tem ares de prevalência em sua Finalidade e em seus Objetivos e alcança as Metas planejadas.
Parabéns pelos 25 anos de existência e pelas idéias contextualizadas em sua Mensagem! O futuro se constrói com nossas ações alinhavadas neste tempo presente. É preciso sermos visionários e encaminharmos o Elismo para a vanguarda.
Realmente não dá para estarmos em uma Instituição que tem valores necessaríssimos ao Mundo e deixarmos os momentos passarem sem que apresentemos ações que validem a nossa inserção de fato e de direito, em "Movimento" tão nobre.
Obrigada! Sei que o Elos Clube de Tavira está em ótimas mãos!
As sua proposições serão divulgadas, pois que encaminharei o contido neste blog a todos as Autoridades Elistas e membros de Unidades Elistas. Precisam elas seres difundidas.
Continue o Presidente CE Salles Fonseca e todos os membros do Elos Clube de Tavira nessa jornada significativa e construtiva. O Elos Internacional da Comunidade Lusíada reconhece a brilhante performance e reafirma que necessita de suas ações para que mais se fortaleça e se expanda como merece.
Saudações elistas.
CE Maria Inês Botelho-Presidente do Elos Iternacional da Comunidade Lusíada



Maria Inês Botelho a 12 de Abril de 2010 às 13:51

RECEBIDO POR E-MAIL:

Parabéns pela data celebrada, votos de que toda essa coragem e entusiasmo construtivos continuem a resultar em favor dos princípios cívicos, linguísticos, e outros que surjam por arrastamento... ou dedução.
Berta Brás
Henrique Salles da Fonseca a 12 de Abril de 2010 às 22:53

RECEBIDO POR E-MAIL:

Tenho lido com muito gosto as notícias/informativos sobre o Elos Clube. Nesses dias postarei meus comentários e também os votos de parabéns embora com certo atraso pelos 25 anos. Por falar nisso, imagino que as comemorações no passado dia 8 tenham se revestido de enorme sucesso, principalmente por contar com a coordenação do prezado Amigo.

Grande abraço, feliz semana! e PARABÉNS ELOS CLUBE!
Luciano Matoso
Fortaleza - Ceará - Brasil
Henrique Salles da Fonseca a 12 de Abril de 2010 às 23:48

RECEBIDO POR E-MAIL:

Parabéns, Prezados Companheiros, pela muito bonita e significativa festa do 25.º aniversário.
Saudações Elistas.
Jorge A. H. Rangel
Henrique Salles da Fonseca a 14 de Abril de 2010 às 11:01

mais sobre mim
Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9





pesquisar
 
blogs SAPO